Designer, como se destacar dos profissionais medianos?

  1. Início
  2. Dicas
  3. Designer, como se destacar dos profissionais medianos?

Você tem problemas com a concorrência? Por exemplo, acha injusto quando alguém cobra um valor bem inferior ao seu? Acha que estão desvalorizando, prostituindo a profissão? Mas ao invés de ficar se sentido um coitado/a já pensou em como pode e deve mudar isso? Como se destacar no meio dessa concorrência tão desleal e barata? Esse artigo serve não somente para nós designers, mas também para profissionais de outras áreas que também acham que sofrem com a desvalorização de sua profissão. Vejo muito hoje em dias as pessoas reclamando e até mudando de área sem nem mesmo tentar reverter esse problema. Se você passa por isso como eu já passei o que está faltando em você é FOCO!

A grande meta é se diferenciar no meio de tantos profissionais que temos no mercado, de forma que a sua marca / você fique na cabeça do seu público. Encontrar um adjetivo que deixe você visível e com valor. Isso é ter foco. E essa deve ser a sua meta. Você precisa encontrar o seu foco e direcionar seus esforços para ele. Nós não conseguimos ser tudo para todos. Dessa forma, é raro você ser muito bom em mais de uma coisa. Quanto mais específico você for melhor, pois você atingirá seu público de forma mais especializada. Por exemplo, eu me formei em design gráfico, mas me especializei especificamente em design de marcas. Não é que eu não saiba, por exemplo, diagramar. Eu sei. Mas com o foco que tenho, meus clientes acabam me procurando mais pela criação de marcas. Quando temos um foco as pessoas te procuram por essa habilidade, e isso certamente aumentará o seu valor como um especialista. Acredito que uma das coisas que está faltando hoje em dia é foco dos designers. Ser diferente e ter o seu estilo no meio dessa enorme concorrência. Se você se concentra em uma habilidade só, apesar abrir mão de outras coisas, aumenta o seu valor pessoal. Você não precisa abandonar as outras áreas do design, mas tenha foco em uma e se torne um especialista e uma referência nessa área.

E como se tornar uma referência? Leia bastante, estude, faça sim uma faculdade, mas não espere que os professores guiem todo o seu estudo. Corra atrás de informação, estude por fora. Vá a workshops, faça cursos online e de novo, leia muito sobre o assunto. Descubra autores novos, descubra novas opiniões. Quanto mais você ler, mais se destacará, e quando precisarem de sua opinião, ela será ouvida com mais atenção e com mais carinho. Você pode ser o melhor designer gráfico, o melhor médico, o melhor advogado do Brasil? Sim, pode. Mas se quiser focar em tudo, será praticamente impossível, pois você precisará concorrer com o melhor designer de embalagens, com o melhor designer de papelaria, e com mais quantas áreas houver e suas chances serão reduzidas. Você irá dispersar seus esforços e levará um tempo muito maior para chegar à um nível de atuação acima da média, enquanto que, se você estabelecer uma meta, pode ser o melhor naquela área específica que escolheu e suas chances aumentarão muito. Não é fácil, mas é mais fácil do que ser melhor em todos os segmentos.

blue ballpoint pen on white notebook

Ao se tornar uma referência na área, um especialista, você tem o poder de concentração, e consegue atuar com uma produtividade muito maior. Podemos mudar de área e segmento, mas mantenha o seu foco para preservar a sua imagem. Se você é um ótimo designer de marcas, não tente ser outra coisa, busque o encaixe perfeito e estreite ainda mais o foco e a especialidade. Abra mão de projetos que não tenham a ver com você e concentre-se no que você é forte. Quanto mais você diversificar, menos chances de se tornar uma referência e fortalecer sua marca pessoal. É lógico que para isso você precisa ter muita certeza do que quer, de que é a coisa certa para seguir, o caminho adequado. Se tem dúvidas, pense a respeito. O que usualmente acontece hoje em dia é que muitos profissionais preferem acreditar que o mercado está saturado e sem chances de se destacar, mas ficam competindo com as mesmas qualidades básicas, propostas e não oferecem nada de diferente ao mercado. Quando não existe diferencial, as pessoas pagam pelo preço mais baixo, mais barato. O que está cheio na verdade, são de pessoas sem foco. As chances de sucesso quando abandona o foco, diminuem muito.

book lot

Uma das dúvidas que costumam surgir quando falamos sobre este tema é a seguinte: “o mercado pede que sejamos generalistas, que precisamos saber de tudo um pouco para entrar em um emprego / empresa”. Bem, é uma ótima dúvida. E neste caso, não está errado. Tenha diversas habilidades, sabia diversas coisas, mas em nível mais geral. Mas sempre tenha uma específica em que você concentrará seus esforços, lhe fazendo único e original.

Você precisa ser diferente, seu trabalho precisa ser diferente, você precisa ter foco para gerar valor a sua marca pessoal. O mercado procura diferença, não seja igual aos outros. Acredite, pessoas procuram, valorizam e pagam mais por isso. Você pode dominar diversas áreas, ter muitas habilidades, conhecer um pouco de tudo, mas aposte num diferença. Você precisa ser excelente em alguma área, para ser original e único. É aí que estará o seu valor. Portanto, leia basta, pesquise, vá em palestras e seminários se especialize e tenha foco no que realmente você quer.

Siga-me Facebook | Twitter | Behance

Espero que tenham gostado. Não deixe de comentar abaixo.

Faça bom proveito e se tiver alguma dúvida basta entrar em contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu