Certa vez, um cliente me pediu para fazer um trabalho de diagramação de 3 apostilas com aproximadamente 30 páginas cada. Eu aceitei, e como uma boa Designer, fiz no Indesign. Até aí, tudoUntitled-1 normal, já que o Indesign é realmente o programa mais indicado para esse tipo de trabalho. Finalizei o trabalho e enviei os arquivos fechados em pdf e os abertos, no formato do Indesign. Porém o cliente não tinha o programa e tive que correr para tentar abri-lo no Photoshop ou Corel.

Bom passei por essa experiência e quase não achei informação boa disponível na internet.

A solução é simples. Na hora de salvar, salva um versão em .EPS, esse tipo de extensão é possível você editar o texto, as fotos e tudo mais. Se por exemplo, você salvar em PDF e quiser abrir, ele abrirá como uma imagem, ou seja, não vai ser possível editar aquele arquivo. Um arquivo EPS é um PostScript (PostScript encapsulado) que pode conter gráficos 2D vetor, imagens de bitmap e texto, ou seja, ele serve para transferência de trabalho artístico de vetor entre aplicativos. Caso você queria abrir em um programa de edição de imagem são transformados em pixels essa ação é chamada de “rasterize”, é o que acontece no Photoshop.

Uma observação importante: Para que ele abra a fonte é necessário que você tenha a fonte instalada no seu computador, caso contrário ele não vai reconhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu